quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Varginha sediou Campeonato Mineiro de Xadrez

           Foi realizado em Varginha, nos dias 14 a 17 de novembro, o Campeonato Mineiro Clássico Absoluto STD - Xadrez.
            O evento aconteceu no Hotel Fênix e contou com a participação dos principais atletas de xadrez de Minas Gerais.
            Na categoria Absoluto Masculino o campeão foi Roberto Junior Brito – B.H. Isabella Ribeiro Conti de Freitas, de Juiz de Fora, conquistou o título da categoria feminina.
            Na Senior, o vencedor foi Júlio Silvio Bueno Filho, de Lavras. Na FIDE 2000 o campeão foi Nataniel Pereira Mota, de Três Corações e a categoria FIDE 1800 foi vencida por Bráulio Silva Ribeiro.
            Juiz de Fora levou para casa ainda os títulos da categoria Sub 14 com Matheus Mendes, Sub 16 de Raphael Neto e na Sub 18 com Breno Matos Simas.
            Com esses resultados Roberto Junior Brito Molina sagrou campeão mineiro, sendo que ele é também o atual campeão brasileiro.
            A equipe de Varginha foi composta por Gilmar Machado, Carlos Alberto, Fábio Trombini e Eduardo Zambotti.

LINK

Varginha terá Jogo das Estrelas no Melão


        O Estádio Municipal de Varginha, Melão, será palco de um jogo beneficente no dia 22 de dezembro, um domingo, às 10 horas.

            Batizado de “Jogo das Estrelas”, o evento tem em sua totalidade o cunho social com a arrecadação de alimentos para associações da cidade.

            - Desde já deixamos uma eterna gratidão aos companheiros que vão abrilhantar nosso evento e fica o convite para a população da cidade e região, vamos ajudar a fazer um natal mais solidário. E na oportunidade agradecemos o grande Elzo, ex Atlético Mineiro, Palmeiras e Benfica, que se prontificou em prestigiar nosso evento -, diz Roniere Ferreira, organizador do evento.


Vereador Delegado Celso cobra informações sobre reforma na Praça da Cemig


           O vereador Delegado Celso Ávila apresentou um requerimento na Câmara Municipal de Varginha, destinado ao prefeito, cobrando respostas sobre o andamento da obra de reforma na Praça da Cemig, localizada no alto da Vila Paiva.
            No documento, ele pediu informações sobre a licitação da obra; qual o valor a ser investido no espaço público; se os recursos destinados à reforma são provenientes de emenda parlamentar ou de recursos próprios do município, dentre outras questões.
            “Há dois anos e meio apresentei minha primeira indicação cobrando melhorias na Praça da Cemig e, posteriormente, mais três requerimentos cobrando informações sobre o que seria feito pelo local, porém todos sem sucesso, pois apesar das respostas da Prefeitura indicando que tudo estava encaminhado para o início das obras, nada foi feito no local”, destacou o parlamentar.
            Dr. Celso destacou, ainda, a importância da manutenção e da preservação do local, que é um dos pontos mais visitados da cidade.
            “Precisamos garantir que a população possa desfrutar de espaços públicos que ofereçam segurança e comodidade, principalmente em nossas praças, que recebem centenas de pessoas todos os dias para a prática de esportes e os momentos de lazer”, finalizou o vereador pedindo o apoio da Administração para o atendimento do pedido.


terça-feira, 19 de novembro de 2019

Varginhense conquista medalha de ouro nos Jogos Escolares


           O judoca varginhense Pedro Lasmar sagrou-se campeão dos Jogos Escolares da Juventude 2019. A competição está sendo realizada em Blumenau/SC.
         O atleta competiu na categoria 66 kg - Módulo 2 (15 a 17 anos). Para chegar ao título, Pedro venceu os representantes do Rio Grande do Sul, São Paulo, Bahia, Pernambuco e por fim, do Paraná.
            Pedro começou no judô aos sete anos na SEMEL, e desde os 11 anos já conquistou diversos títulos estaduais, nacionais e o Pan-Americano em 2017.
            O judô varginhense, comandado pelos técnicos Lucas Corrêa e Rodrigo Marcondes, já formou grandes atletas.

LINK

segunda-feira, 18 de novembro de 2019

14ª TAÇA DE FUTSAL FEMININO


            A bola já está em quadra com a competição mais charmosa do Sul de Minas: a Taça de Futsal Feminino - uma promoção do SESI, através da FIEMG Regional Sul de Minas, com apoio da EPTV.
            Realizada com o objetivo de promover um maior intercâmbio esportivo entre os participantes, integração entre os municípios, bem como contribuir para o desenvolvimento técnico e tático do Futsal Feminino na região do Sul de Minas, além de demonstrar a responsabilidade social das instituições SESI e EPTV.
            Este ano, o torneio contará com 10 equipes, divididas em três grupos: Alfenas, Aiuruoca, Bandeira do Sul, Cambuí, Carmo da Cachoeira, Elói Mendes, Machado, Passos, Santa Rita do Sapucaí e Três Corações.
            Os jogos serão realizados no Sesi de Alfenas, Varginha e Pouso Alegre.
            O Sesi de Varginha sediará os jogos do GRUPO C, que conta com Aiuruoca, Elói Mendes, Carmo da Cachoeira e Três Corações.
            Nesta semana serão duas partidas:
19/nov - 20h30 - TRÊS CORAÇÕES X CARMO DA CACHOEIRA
21/nov - 20h30 - ELÓI MENDES X AIURUOCA

LINK

Mais classificados no Bairrão Menotti 2019


            Dia de falarmos de mais equipes classificadas para as quartas-de-final do “Bairrão Menotti 2019”.
            Toda a rodada dos jogos acontece aos finais de semanas, e nas segundas como de costume é dia de passarmos tudo a limpo o que rolou nas partidas que definiram eliminados e classificados para mais uma etapa do campeonato.
            Os jogos foram realizados no domingo (17) em dois campos e dois horários para cada local.
            No estádio do Nego Horácio, o América confirmou seu favoritismo e aplicou um sonoro 3 x 0 sobre o Fátima carimbando sua classificação e seguindo firme rumo ao acesso.
            O outro jogo no estádio foi marcado por muito equilíbrio do começo ao fim, Rio Branco e São Lucas fizeram um grande jogo, no final melhor para o Rio Branco que saiu vencedor pelo placar de 2 x 1.
            Na Semel, mais dois jogos marcaram o domingo de futebol e os resultados foram iguais. Na partida das 9h00, a equipe da Fertipar confirmou o favoritismo e bateu o Fênix por 2 x 0. 
            Já no jogo de fundo, os Meninos da Vila repetiram o placar do jogo anterior, vencendo o Chivas, também se classificando.
            As quartas-de-final serão já no próximo domingo e vale ressaltar que a equipe que sair vencedora de seus respectivos jogos, já estará garantida no “Amadorzão 2020”.

Confrontos das quartas de final:
SEMEL
9h: Figueirinha x Inter - Vantagem Empate Figueirinha
11h: América x Botafogo - Vantagem Empate América

SETE DE SETEMBRO
9h: Fertipar x Meninos da Vila - Vantagem Empate Fertipar
11h: Frangobel x Rio Branco - Vantagem Empate Frangobel

Alisson Marques, estudante de jornalismo no UNIS.
Estagiário no Jornal PODIUM



Campeonato de Futebol de Base Sub 17


               Aconteceu neste último sábado, dia 16, no campo da Semel, os jogos da 4ª rodada do Campeonato de Futebol Juvenil - Categoria de Base sub-17, com os seguintes jogos:
* B.R.V. 3 X 0 VARGEANA
* BARCELONA 10 X 0 REAL MADRID
            Nesta rodada folgou a equipe do FENIX.

            Os jogos da 5ª e última rodada da fase classificatória vão acontecer no próximo sábado, dia 23, no Campo da Semel:
            14h – FENIX X REAL MADRID
            15h30 – BARCELONA X VARGEANA
            Folga a equipe do B.R.V.

LINK

sexta-feira, 15 de novembro de 2019

Tabela de jogos dias 16 e 17 de novembro


JUVENIL 
Sábado – dia 16
SEMEL
14h – B R V x Vargeana
15h30 – Barcelona x Real Madrid

BAIRRÃO 
Domingo – dia 17

SEMEL
9h – Fertipar x Fênix
11h – Chivas x Meninos da Vila

Nego Horácio
9h – Rio Branco x São Lucas
11h – América x Fátima




Você sabe o que é quiropraxia?


                   Todo praticante de esporte, seja ele amador ou profissional, alguma vez já sofreu com lesão muscular, certo? Isso é uma ocorrência praticamente inevitável, mas além de ir ao fisioterapeuta tratar de certa lesão em alguma parte do corpo, você já ouviu falar na quiropraxia?

            Por definição a “Quiropraxia” é uma especialidade da fisioterapia que preocupa-se com o diagnóstico, tratamento e prevenção das desordens do sistema neuro-músuculo-esquelético e os efeitos destas desordens na saúde em geral. Há uma ênfase nas técnicas manuais, incluindo ajuste articular e manipulação com foco particular nas sub-luxações.

            Para o caso de atletas de alto rendimento, uma nova modalidade na área vem ganhando muito espaço, trata-se da “Quiropraxia Esportiva”. A busca não é apenas para prevenir e tratar lesões relacionadas à coluna, ligamentos e músculos, mas também para ganhos na performance.

            Além de tratar as articulações, o método é conhecido por promover o relaxamento e aumento do tônus muscular, dando o suporte adequado aos movimentos para melhorar o desempenho e evitar dores, principalmente nas costas.


Como a quiropraxia esportiva pode ajudar?

            No caso do tratamento de lesões, segundo especialistas, a técnica diminui consideravelmente o tempo de recuperação do atleta, permitindo que ele não interrompa totalmente suas atividades e consequentemente tenha uma perda significativa no seu desempenho.


INCORPORE

            Em Varginha, na Clínica Incorpore, o Dr. Juliano Bacil oferece atendimento especializado e tratamentos com fisioterapia, quiropraxia e pilates.


Alisson Marques, estudante de jornalismo no UNIS.
Estagiário no Jornal PODIUM

 
LINK

quinta-feira, 14 de novembro de 2019

Vôlei de Varginha disputa o Mineiro Sub 17 em BH


           A equipe de vôlei masculino sub 17 de Varginha está em Belo Horizonte participando do Campeonato Mineiro da categoria.
            Participam da competição as 10 equipes de melhor pontuação nos campeonatos regionais ao longo da temporada, divididas em dois grupos:
            GRUPO A: Minas Náutico Tênis Clube, Olympico Clube, Uberlândia Vôlei, Clube Bom Pastor e Academia do Vôlei/Gabarito.
            GRUPO B: Cruzeiro E. C., CRES Varginha, Funel Uberaba, P. M. Piumhi e Beagá Esportes.
            A equipe varginhense, comandada pelo professor Wesley Gonçalves começou com o pé direito, vencendo os representantes de Piumhi por 2 set’s a 1.
                        Os jogos acontecem em três ginásios: CT Cruzeiro E.C., Minas TC e Beagá Esportes/Clube dos Oficiais da Policia Militar e seguem até domingo, dia 17.

LINK

quarta-feira, 13 de novembro de 2019

Dr. Alencar propõe que o Melão gere recursos para investimentos em saúde e educação

                   O vereador José de Alencar Faleiros apresentou Indicação ao Senhor Prefeito Municipal Antônio Silva, para que estude a possibilidade de se celebrar um Contrato de Concessão do Estádio Municipal, “Melão”, para empresas que estiverem interessadas em aqui investir, ou mesmo cogitar a celebração de uma Parceria Público–Privada, donde gerarão recursos ao Município para reinvestir em saúde e educação.
            Em sua justificativa, Dr. Alencar explicou que o Prefeito de São Paulo assinou contrato de concessão do Estádio Municipal de Futebol Paulo Machado de Carvalho, mais conhecido como “Pacaembu”.
            O complexo esportivo inclui campo de futebol, piscina olímpica, quadras de tênis e ginásio poliesportivo, e passará a ser administrado pelo Consórcio Patrimônio São Paulo, arrendado pelos próximos 35 anos. O consórcio responsável depositou R$ 79,2 milhões pela outorga da cessão onerosa nos Cofres Municipais.
            O consórcio elaborará uma reforma de 500 milhões de reais no Estádio, que servirá para fins múltiplos: jogos de futebol, shows, casamentos, festas diversas, lançamentos de marcas, etc, tornando-se uma verdadeira “arena multiuso” num dos pontos mais bem localizados do Município de São Paulo.
            Considerando essa notícia e aplicando as mesmas razões “mutatis mudandis” ao Município de Varginha, este tem entre seus bens imóveis um imenso estádio de futebol, que conta ainda com pista de atletismo, vestiários, estacionamento, etc.
Foto do Jornal PODIUM durante a final do Amadorzão 2019, onde o
nome do estádio encontrava-se coberto com faixa.
 O MELÃO
            No momento atual, todo esse patrimônio público da sociedade Varginhense serve única e exclusivamente a uma equipe profissional de futebol, que, além de não ser uma equipe fundada aqui no Município de Varginha- as chamadas “times de aluguel” -, serve para que bem-sucedidos empresários administrem o BOA Esporte Clube e Lucrem com a paixão do povo, o “Futebol”, em atividade nitidamente privada, em completa dissonância com o interesse público que deve nortear a utilização de bens públicos.
            Essa opção de lazer para os munícipes é evidentemente nobre para o Município, todavia não se deve fomentar o lazer com o dinheiro dos contribuintes antes de investir em saúde, educação.
 
LINK
NADA CONTRA O LAZER, MAS O LAZER SÓ PODE VIR DEPOIS DO DEVER!
            Assim, o Município tem deveres muito mais nobres para com nossa população. É dever dos políticos maduros, no mínimo, ofertarem a população IGUALDADE DE POSSIBILIDADES. A igualdade, uma vez garantida, deixa por conta de cada indivíduo o propósito de conquistar o bem-estar que assim lhe aprouver.
            Então, no mínimo, deve–se garantir a toda família Varginhense moradia com o mínimo de conforto, emprego, possibilidade de ganho honesto, saúde não como dever exclusivo do Estado, mas uma saúde pública digna e de qualidade, e, por fim mas não menos importante, educação pública para nossas crianças e jovens!
            Enquanto que moradia, segurança pública e geração de empregos dependem do Município em colaboração direta e determinante da União e Estado, a Saúde e Educação Básica são, em grande parte, RESPONSABILIDADE DO MUNICÍPIO.

EDUCAÇÃO É PRIORIDADE!!!
            - Como o Município de Varginha ainda não atingiu excelência no fornecimento de saúde e educação que tornem o cidadão Varginhense como detentor de igualdade de acesso, este Vereador não concorda com o fato de o Município  estar a empenhar recursos públicos com algo não-prioritário, como é o lazer voltado ao futebol, e para um público ainda mais restrito que são os amantes desse esporte -, finalizou sua proposição que contou com assinatura de outros 11 vereadores.

Jonathan Henrique, de Varginha para as Olimpíadas em 2012


                    Um dos sonhos de todas as cidades, principalmente do interior, é ter um de seus habitantes em destaque pelo mundo, certo? Seja ele no mundo da moda, das celebridades, dos esportes, entre outros. E isso ocorreu em Varginha, no entanto pouca gente sabe desse fato.
            Trata-se de Jonathan Henrique Silva, ex-atleta profissional de atletismo na modalidade de salto triplo. Jonathan, hoje com 28 anos, teve uma ascensão meteórica na carreira. Em 2004, ainda com apenas 13 anos, o jovem varginhense dava seus primeiros passos, ou melhor seus primeiros saltos na carreira. O começo de Jonathan foi treinando na SEMEL de Varginha, com o técnico Clóvis Milleu, que segundo o próprio Jonathan foi um dos seus principais percussores na jornada esportiva.
            O ainda adolescente na época, tinha sonhos grandes e ambiciosos para carreira no esporte, entretanto seu coração ficava dividido entre futebol e atletismo, foi quando ele decidiu pelo atletismo. A partir daí, uma nova meta foi lançada para Jonathan, meta essa que ele mesmo colocou na sua vida, que era de conseguir medalhas em nível nacional e até mesmo internacional. Ele já não queria ficar apenas em âmbito municipal e estadual disputando competições regionais.
            E em 2007, Jonathan foi para a disputa do Campeonato Brasileiro de Menores, mas não conseguiu medalhas; no mesmo ano disputou o Campeonato Brasileiro Escolar, na Paraíba e novamente o resultado foi sem premiações. Jonathan não desistiu, ao contrário, se motivou ainda mais pela busca de seu sonho, e em 2008 uma grande porta se abriu para aquele jovem de 17 anos, tratava de um convite para morar e treinar no Centro de Excelência de São Paulo, o antigo Projeto Futuro, e lá se foi aquele jovem garoto atrás de seu grande objetivo. 
LINK
            Jonathan é enfático em dizer que a base de treinamentos adquirida com Clóvis Milleu foi fundamental para todo avanço de sua carreira. Já em São Paulo, ele passaria de atleta ainda amador, para um nível mais avançado de treinamento, e enfim os resultados começaram a aparecer, como Campeão Brasileiro de Menores, depois Pan-americanos de Menores, entre outras conquistas. No final daquela temporada, Jonathan subiu mais um degrau na sua vida atlética, o atleta naquela altura já era considerado “juvenil” - uma outra categoria devido a idade, e mais uma vez os resultados foram os melhores possíveis, como: campeão em vários campeonatos Sul-Americano, finalista Mundial, campeão Pan-Americano e líder do ranking nacional da categoria. 
            Os anos de 2009 e 2010 foram difíceis para Jonathan, várias lesões o afastaram das pistas, contudo ele ainda conseguiu ser campeão em torneios de menores expressões.
Já recuperado das lesões foi a hora da carreira de Jonathan alcançar ao seu ponto máximo. Em 2011 e 2012 o auge do sucesso batia a porta daquele jovem talento, após conseguir o índice olímpico para Londres 2012. Naquela altura ele já era considerado um dos melhores na modalidade, em 7º no ranking da IAAF (maior instituição do atletismo) era a hora de seu maior de desafio, as Olímpiadas de Londres daquele ano; a experiência mesmo sem medalhas, foi muito válida e única nos contou Jonathan.
            No entanto, os próximos anos seriam os mais difíceis para Jonathan. A carreira de um atleta de alto rendimento é movida não apenas pelo físico, mas também pela mente, e foi aí que Jonathan encontrou sua maior barreira na vida, em meados de 2014 até o começo de 2015, o ex-atleta olímpico encarou uma depressão que o afastou de vez dos esportes. 

            E em 2016, o fim da carreira como atleta profissional. Jonathan conta que no começo muita gente não sabia o motivo dessa decisão, e até hoje pessoas perguntam o porquê de ter largado o esporte que naquele momento era seu auge. “Não é fácil cara, atletas de alto nível tem de seguir uma linha reta, onde físico e mente devem andar juntos, caso contrário você não conseguirá mais nada. Eu até estava bem fisicamente, porém minha mente não estava mais focada no esporte, e foi quando eu decidi por me aposentar dessa vida”, disse Jonathan.
            O recomeço a partir daquele momento não foi nada fácil, Jonathan voltou para Varginha onde hoje leva uma vida tranquila e segue uma rotina normal. “Sigo trabalhando, hoje levo uma vida longe dos holofotes, trabalho com um amigo, sou auxiliar de entregas, vou na academia e sempre quando tenho um tempo, jogo futebol com meus amigos”, completou.
            Por último, foi reportado o assunto incentivo tanto para ele quanto para o esporte, e Jonathan foi duro em sua posição. “O incentivo vem cara, mas só depois que você já é considerado um ‘grande’ na modalidade, antes disso meu principal incentivador era eu mesmo e algumas outras pessoas que posso contar nos dedos. Incentivar quando você já está lá no auge é fácil. Isso deveria acontecer desde o começo da carreira, não precisa ser dinheiro; um tênis para praticar o esporte, sapatilhas, ou algum plano de saúde para se tratar com fisioterapeutas, isso já faz toda diferença e eu só tive isso quando já era um atleta profissional, daí fica fácil”, comenta.
            Sobre a cidade, Jonathan também tem uma postura forte e garante que apesar de tudo não guarda mágoas: “Eu sou muito mais reconhecido fora de Varginha do que propriamente aqui, e isso me dói as vezes, eu levei o nome de Varginha para o mundo, para uma Olímpiada!”

Alisson Marques, estudante de jornalismo no UNIS.
Estagiário no Jornal PODIUM
  

Tenistas de Varginha participarão de competição em Mogi das Cruzes


                  No dia 15, sexta-feira, a Academia Doble Game, em parceria com a SEMEL, levará cinco alunos para participar do TMC NACIONAL 2019, em Mogi das Cruzes - SP, na Academia NITTA TENNIS.
            O torneio reunirá mais de 130 participantes das escolas Tenis + (instituição que trouxe a metodologia francesa para o Brasil) de todo o Brasil.
            O formato de jogos será por equipe, sendo 2 jogos de simples e 1 de duplas. Serão três equipes da Double Game representando Varginha nesse torneio nacional. Os jogadores Vinicius Barbosa (10) e Pedro Theodoro (11) vão jogar na categoria bola laranja até 11 anos, já as jogadoras Nicole Domingheti e Maria Alice Amélio irão jogar na categoria bola verde até 12 anos. Para completar, a jogadora Heloyse Amélio (10) irá formar sua equipe com uma jogadora da academia Nitta Tenis e disputarão a categoria bola laranja, até 11 anos.
            Cada equipe disputará seus jogos em um formato de grupos, os primeiros colocados de cada grupo se enfrentarão no domingo, dia 17 de novembro para decidir os campeões do torneio. Além disso, a academia com um maior número de pontos, somando de todos os jogadores de sua equipe, levará um troféu para casa.
            Vamos torcer pelos nossos meninos e meninas de Varginha nesse grande evento nacional.

LINK

terça-feira, 12 de novembro de 2019

Roninho, uma lenda dentro e fora das quadras


               Ronald Mateus da Silva, ou apenas Roninho, com certeza o morador de Varginha e região já ouviu ou já viu algo sobre esse nome. Roninho é jogador de futsal profissional e hoje atua pelo Kherson F.C da Ucrânia, time bicampeão nacional e que disputa a Champions League da modalidade.
            O Jornal PODIUM em conversa descontraída com Roninho, teve a possibilidade de descobrir um pouco mais sobre a carreira e a vida do jogador não apenas nas quadras. Na entrevista, Roninho contou como foi o início da carreira, as principais dificuldades, o sucesso, Varginha e os dias atuais, confira:

          Como foi o início da sua trajetória no futsal? Qual a principal dificuldade você enfrentou até atingir o sucesso que tem hoje?
R: Comecei minha carreira na escolinha do professor Evadson Rosa no VTC, a minha base inteira foi bem-sucedida graças ao professor que é um dos melhores treinadores de futsal de Varginha e região. Minha primeira oportunidade para jogar profissionalmente foi graças a ele e ao Atílio Dias, de Campanha, que também tem um grande nome no futsal. Os dois conseguiram que eu fosse até o Rio de Janeiro fazer um teste no Vasco da Gama que é meu time de coração, fiquei super feliz com a notícia e me dediquei ao máximo para não deixar essa chance escapar, sempre achei que seria uma coisa bem simples; coloquei em mente que a única coisa que eu deveria fazer é mostrar o meu futebol e não deixar ser intimidado.  
LINK
            O começo foi muito difícil porque eu era jovem, primeira vez que havia saído de casa para tentar a carreira, ainda mais jogar em um clube tão grande como o Vasco. Morávamos todos os jogadores juntos em um alojamento, o salário não era dos melhores, a saudade de casa era grande, no entanto isso não foi o pior.
            Depois do Vasco, tive uma oportunidade de jogar na Europa, o país da minha esposa Georgia, sou também agradecido ao meu amigo Claudio Ribeiro, mais conhecido como Claudinho, que também é natural de Varginha e hoje mora em São Paulo e já foi jogador de futsal em grandes clubes, como o Barcelona.
            Lembro muito bem do primeiro dia que cheguei.  Eu olhei tudo em volta; a comida, a cultura diferente, o idioma (brincou, Roninho), eu não entendia nada, logo pensei em voltar pra casa e desistir de tudo, mas o meu sonho falou mais alto e continuei a luta. Tive um pouco de sorte também porque no clube tinha brasileiros que me ajudaram, mas minha salvação foi Deus por me apresentar minha esposa Keti logo no primeiro mês e graças a Deus hoje estamos há 12 anos juntos e na minha história de sucesso, ela tem a maior parte.

          Você atualmente joga na Ucrânia e é atleta da seleção da Geórgia, você se sente acolhido pelos dois povos?
R: Minha ida para Ucrânia foi por ter jogado muitos torneios internacionais no país quando eu ainda era jogador do Iberia Star (time georgiano), por sempre jogar esse campeonato e nosso time ter feito jogos bons, eu fui visto por um treinador Ucraniano e ele me fez uma proposta para jogar no seu clube, o Uragan FC (time ucraniano), onde tive uma passagem muito boa e feliz.
            Sim, eu me sinto muito acolhido pelos dois países, com alguma diferença eu sou mais acolhido na Geórgia por jogar na seleção nacional e por ter jogado lá durante quatro anos, além ter chegado junto com meu ex-clube (Iberia Star) entre os 4 melhores da Europa.
            Hoje estou jogando na Ucrânia novamente, em um clube diferente onde estamos tendo bastante sucesso, já estou no terceira temporada nesse clube sou Bicampeão Nacional e estamos agora jogando a Champions League pelo terceiro ano consecutivo.

          Porque não quis tentar uma vaga na Seleção Brasileira?
R: Não é que eu não quis tentar uma vaga, eu não tive uma oportunidade para jogar, assim como muitos amigos meus que também são excelentes jogadores e não tiveram essa chance e decidiram defender outras nacionalidades, justamente pelo fato de que a Seleção Brasileira está bem representada pelos jogadores que têm.

          Qual sua visão sobre ser um ícone em Varginha e região, onde todos te respeitam e te admiram, principalmente nos bairros em que foi criado. Qual sua relação com tudo isso?
R: Primeiramente eu sou um abençoado por Deus, me sinto muito feliz por ter saído de uma cidade pequena do interior e ter chegado onde cheguei. É um sentimento muito prazeroso ser reconhecido por todos meus amigos que sempre estão torcendo pelo meu sucesso. Eu sou agradecido por ter amigos como eles, sempre quando chego de férias fazemos um jogo beneficente com um grande parceiro meu, o Thiaguinho outro grande jogador e que também teve muito sucesso na sua carreira e hoje juntos, fazemos esse jogo com nossos amigos com o intuito de ajudar famílias carentes da comunidade e também poder reunir todos para jogar um bom futebol e depois bater aquela resenha.

            Roninho coleciona carisma e amigos por onde passa, com seu jeito humilde e talento nos pés, hoje é considerado um dos grandes nomes da história do esporte varginhense.
            O Jornal Podium agradece a disponibilidade para a entrevista e deseja todo sucesso do mundo ao atleta, que continue sempre brilhando e levando o nome da cidade para o mundo!

Alisson Marques, estudante de jornalismo no UNIS.
Estagiário no Jornal PODIUM
  

Judô da Semel conquista 19 medalhas em torneio estadual

             Os atletas de Judô da Semel / Varginha participaram no sábado, dia 9, na cidade de Vespasiano-MG,  do Torneio de Judô da Bandeira Nacional, que encerra os eventos e competições da Federação Mineira de Judô.
            Varginha participou com 20 atletas e conseguiu 19 medalhas, sendo 11 de ouro, 6 de prata e 2 de bronze, além de ter conquistar o terceiro lugar no geral. Apenas um 1 atleta não conquistou medalha.
            De acordo com os técnicos da equipe, Lucas Correa Reis e Rodrigo Marcondes de Lima, isso prova que o judô varginhense está entre os melhores do estado e que os treinamentos têm sido acirrados e constantes; trabalho sério e com muita dedicação e força de vontade.
            Lucas ressaltou que os atletas Pedro Lasmar e Bruna Sarto participarão dos Jogos Escolares da Juventude, em Blumenau, Santa Catarina, no próximo dia 25 de novembro.


LINK

segunda-feira, 11 de novembro de 2019

Sion 0 x 2 Frangobel


Figueirinha 1 x 1 Fúria


Alunos do projeto social de Varginha conquistam Campeonato Brasileiro de Muay Thai


             Foi realizado ontem (10), O Campeonato Brasileiro de Muay Thai Tradicional da CMTB, na cidade de Monsenhor Paulo.
            Varginha estava representada pela equipe “Mamuth Fight Team”, um projeto social que é coordenado por Rodrigo “Mamuth”.
            - O domingo foi de muita alegria para todos, pois o projeto é muito recente com apenas três meses de criação e os resultados já foram espetaculares, com atletas da categoria sub-11 sagrando-se campeões -, comemorou Mamuth.
            Os atletas campeões foram Gabriel Martins de Oliveira e Guilherme Henrique Martins de Oliveira do projeto “Mamutinho Kids”, filhos do ex-lutador Jair José de Oliveira.
            Mamuth terminou dizendo que a satisfação é enorme em ver todo esforço dando resultado.

Alisson Marques, estudante de jornalismo no UNIS.
Estagiário no Jornal PODIUM

LINK